sexta-feira, 27 de junho de 2008

Falsa bruschetta com fígado de frango, pesto de sálvia e redução de balsâmico

Voltei do curso de "capacitação chef" meio enjoada. Foi uma aula só de ovos... diferente das outras aulas em que eu cheguei doidinha para por em prática o que tinha aprendida, dessa vez eu não queria ver um ovo na minha frente nem morta. Mas queria cozinhar... então passei no mercadinho antes de vir pra casa e fui direto nos frangos. Desde o começo da semana queria comer um franguinho de noite e ainda não tinha feito. Aproveitei que o marido estava no trabalho ainda e fiz um jantarzinho pra ele. Entradinha + prato principal + um espumante que estava na geladeira procurando companhia + o DVD "Simplesmente Martha"*. E o melhor, nenhum ovinho sequer.

Entrada

Falsa bruschetta com fígado de frango, pesto de sálvia e redução de balsâmico

Ingredientes:

3 a 4 fígados de frango (usamos partidos na metade)
seis fatias médias de pão francês
aprox. 15 folhas de sálvia
1 dente pequeno de alho
azeite (aprox. 5 col. de sopa)
1 quarto de xíc. de vinagre balsâmico
Meia xic. de vinho branco seco
2 col. de sopa de açucar
Sal q.b.
Manteiga q.b.

Preparo:

Numa frigideira antiaderente, esquente uma col. de sobremesa de manteiga. Doura os fígados dos dois lados mas não cozinhe demais. Eles devem ficar dourados por fora e rosados por dentro. Reserve, de preferência aquecidos. Coloque no forno as fatias de pão até que fiquem levemente crocantes.

Para o pesto:
coloque no pilão o dente de alho, as folhas de sálvia picadas e uma colher do azeite. Triture bem os ingrediente até virar uma pasta. Acrescente o restante do azeite e acerte o sal.

Para a redução de vinagre:

Coloque o vinagre, o vinho e o açucar numa panela e deixe reduzir. Retire do fogo quando as bolhas estiverem lentas.

Montagem:

Passe um pouco de pesto e disponha a metade de um fígado em cima de cada torrada. Leve ao forno pré-aquecido por uns cinco minutos. Retire, coloque a redução de vinagre ainda morna por cima. Sirva imediatamente.



* O filme Simplesmente Martha é genial para quem adora gastronomia. Tem um "remake" americano que se chama Sem Reservas, mas ontem elegemos original o melhor.

ahhh. O prato principal vai no próximo post.

2 comentários:

Mesa pra 1 disse...

Eu adoro esses adjetivos do tipo `falsa`... eu costumo usá-los tb... deveriam ser mais utilizados nos cardápios.

Cris disse...

Hum..... também adoro receitas assim, esta redução do vinagre eu não conhecia... gosto muito quando você revela estes truques! bjs!