terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Talharim ao pomodori com mussarelinha de búfala

Nem adianta dar mais uma das milhões de desculpas porque tenho andado sumida. Não só do blog, mas do msn com meus amigos cearenses, de cartas que eu fico de mandar e não mando... até a pediatra do Davi esse mês ficou sem data. Mas em minha defesa gostaria de dizer que sou uma moça muito trabalhadeira... ou trabalhosa (ha!). Tenham paciência comigo vai. Ah... uma boa notícia. Acho que não sou mais estagiaria. Digo acho porque ainda não fechamos a burocracia, mas o chef já me comunicou que sou uma funcionária agora. Cool hã? No momento cuido da praça de sobremesas, parte das entradas e de fazer e abrir algumas das massas que são servidas como pratos principais. As coisas estão andando até rápido e eu estou aprendendo muito.

A vamos deixar de enrolação e ir direto ao que interessa. Essa receitinha eu já fiz duas vezes aqui e é inspirada em um dos pratos da Braverie. Fiz semana passada pra Aninha, a super-veggie-ativar que pousou aqui em casa uns dias e foram momentos incrivelmente divertidos. (Volte sempre nêga!)

Talharim ao pomodori com mussarelinha de búfala



rendimento: serve cinco pessoas
nível: médio se for fazer a massa, fácil se for fazer só o molho.

Ingredientes
Massa:
250g de semolina
250g de farinha de trigo
10g de sal
5 ovos
Molho:
6 tomates concassé (sem pele, sem sementes e picado)
1 cebola media picada
1 dente de alho
1 copo americano de caldo de legumes
½ lata de tomates pelados com o suco
manjericão q.b.
mussarelinha de búfala q.b.\
açúcar q.b.
sal q.b.
azeite q.b.

Preparo:
Massa:
Misture os secos. Quebre os ovos em um bowl, faça um buraco na mistura dos secos e despeje os ovos dentro. Vá mexendo e sovando até que forme uma massa uniforme. Se tiver tempo de deixar ela um pouco na geladeira descansando ela fica melhor, mas se não tiver, tudo bem, pode abrir ela mesmo assim. Sove um pouco a massa na abertura maior da máquina e vá afinando ela. Corte os quadrados de massa do comprimento que desejar e depois passar no cortador de talharim. Ponha pra secar por cerca de 40 minutos. Depois é só cozinhar com bastante água e um pouco de sal.

Para o molho, aqueça o azeite e refogue a cebola depois o alho. Coloque metade dos tomates e deixe eles murcharem um pouco. Adicione os tomates pelados em conserva picados e suco da lata. Coloque um pouco de manjericão e deixe cozinhar até os tomates quase se desmancharem. Adicione o restante deles e cozinhe por mais uns 10 minutinhos ou até que estejam levemente cozidos. Coloque o restante do manjericão e tampe a panela.

Sirva em cima da talharim com mussarelinhas de búfala por cima. Essas eu dei uma leve tostatinha no maçarico.

aahh.. esse verdinho ao redor, é um azeite verde. Feito com espinafre e azeite, só.

8 comentários:

Lingualguma disse...

Baby, tô super feliz com as novidades. Até esqueço o sumiço, viu?
Muita sorte nessa hora, porque talento eu sei que sobra.
E adorei a receita
:)
Beijão

Leo disse...

Massa caseira é inigualável. Em leveza e textura, não tem melhor. Fora o ritual de preparar, secar, é uma maravilha. Sem contar que inauguramos o maçarico e ainda recebemos bons camigos (AnaQ, David e Tiago) em casa. Noite perfeita meu amor.

A dona da cozinha disse...

como o Léo bem disse, nada se compara a uma bela massa caseira + o ritual de prepará-la!!
Bia, parabéns pelo emprego, logo se nota o quanto é trabalhadeira [e trabalhosa] haha.
o molho e a massa são um convite a boa conversa e amigos.
b-jos,paula

Anaquim disse...

Noite perfeita, pessoas incríveis, comida deliciosa, papo animado... Claro que eu volto! Enquanto isso fico aqui lembrando e lambendo os beiços de saudade e olho grande!

Sellaro disse...

Só assim para um trabalhador saber de uma trabalhadora... nã! :)

Parabéns, babe. Vamos ver se neste fim de semana vocês conhecem lá em casa.

Beijo

Eduardo Luz disse...

Que legal ! Massa com semolina ? Fica mais leve do que a com farinha ?

Abs.

Cláudia disse...

Bia também faço massa caseira quando tenho tempo, mas macarrão é o que não falta, esta receita é a minha preferida, vou dar uns toques como a sua, por mim, quase que sempre comeria mussarela de búfala. Amei conhecer vc na saída do Havanna, pena que foi muito flash! um beijão!
Ah, seus gatinhos são muuiituuuu fofos!!!

bjs

Leo disse...

Edu, a massa com semolina (na verdade 55% farinha comum e 45% semolina) fica com o grano duro, sem perder a leveza de uma massa caseira. Esse talharim da Bia eu acho espetacular a textura, inacreditável. Abraço.